ROBÔ BRASILEIRO AJUDA NA RECUPERAÇÃO DE AVC

Em 10 de abril de 2017 por Torba Azenha em Highlights, Saúde

Torba Azenha

Um robô portátil, capaz de conduzir a fisioterapia de pacientes que sofreram acidente vascular cerebral (AVC) sob um enfoque inovador, está entrando no mercado. O aparelho foi desenvolvido pela Vivax, com apoio do Programa FAPESP Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE), e é o primeiro portátil do gênero. Foi batizado Assistive Reabilitation Machine (ARM).

A ideia é oferecer fisioterapia totalmente personalizada e lúdica, usando videogames. Nos testes o equipamento foi capaz de produzir melhoras em pacientes crônicos que não conseguiam avançar com terapias tradicionais.
A Vivax desenvolveu videogames tridimensionais que reproduzem atividades cotidianas, como tirar objetos de um armário alto ou colocar frutas no liquidificador. O robô também permite que os pacientes joguem on-line, interagindo com outros pacientes.
Pesando apenas 15 quilos, o preço do robô será entre duas e quatro vezes inferior ao de robôs de mesma função importados e com capacidade para exercitar uma diversidade muito maior de movimentos.